24/10/2017 / Em: Vendas

 

Sabe aqueles momentos difíceis da vida de empreendedor, quando você não sabe o que fazer com seu orçamento, faz qualquer coisa e perde metade do faturamento? Bem, talvez tenha faltado uma boa análise de vendas. Afinal, saber como está a performance do seu negócio e entender como ela pode ser melhorada faz toda a diferença.

análise de vendas

Para facilitar essa análise, a maioria das empresas usa um relatório bem detalhado. E, acredite, há bons motivos para que a maioria faça isso. Mas não se apresse, vamos entender com toda a calma os motivos pelos quais você deve seguir essa ideia, quais seus benefícios e como você pode criar uma análise realmente útil para sua tomada de decisões. É só continuar lendo este post.

Quais são os benefícios da análise de vendas?

Acompanhamento das principais métricas

Ok, vale sempre lembrar aqui: use métricas! O grande mantra da administração é “se você não pode medir, não pode gerenciar”. Não precisa levar isso ao pé da letra, só entenda que, se você não consegue enumerar uma mudança, não tem como saber se suas ações tiveram ou não o resultado esperado.

Com isso em mente, você pode notar que, com a ajuda desse relatório, você poderá seguir as métricas mais relevantes para suas vendas com facilidade. Quais serão elas é outra questão, que você deve pensar dentro do seu contexto. Mas, depois de escolher os números que deseja seguir, siga-os!

Identificar problemas no relacionamento com o cliente

Com um relatório em mãos, você poderá notar algumas correlações entre diferentes variáveis. Uma delas será o relacionamento que você possui com seus clientes. Eles gostam dos seus produtos? Estão sendo bem atendidos? Passam um tempo na loja antes de comprar? Levam mais do que planejavam?

Uma análise de vendas pode ajudar a entender certas dificuldades que sua equipe pode ter para lidar com o público. Talvez seu produto não seja o mais relevante para os clientes que você possui. Talvez sua equipe não esteja bem treinada ainda ou seus processos não estejam de acordo com as demandas. As possibilidades são muitas, então é melhor que você fique atento. Não vá perder uma oportunidade de venda porque dormiu no ponto!

Antecipar tendências de consumo

Você investiu em um negócio, conseguiu uma base estável de clientes e tudo está de vento em popa. Hora de relaxar? Não. Seus clientes não serão os mesmos para sempre, ainda mais em um mercado dinâmico como o de hoje em dia. Se você não acompanhar essas mudanças no seu público, não vai se manter ativo no negócio por muito tempo.

Além disso, essas alterações também trazem novas oportunidades de negócio. Se você souber que uma dessas está chegando no horizonte, pode se preparar para recebê-la de braços abertos. E o começo de qualquer nova oportunidade é o momento em que ela fica mais lucrativa.

Explicar as causas do aumento ou queda nas vendas

E chegamos ao cerne de todo relatório de vendas: entender por que elas oscilam. É por isso que você passa horas e horas olhando gráficos e tabelas, fazendo contas e tirando tudo a limpo com sua equipe. Se você souber o que gera quais resultados, fica bem mais fácil reproduzir as condições e conseguir o mesmo efeito. Ou evitar repetir o que gerou um resultado ruim.

Por exemplo, seu último relatório pode mostrar para você que, graças a um novo membro do time de vendas, que fala de forma alegre e descontraída, seu faturamento cresceu um pouco. E o que você faz com essa informação? Ensina outros vendedores a serem alegres, mede as mudanças nas vendas e confirma suas expectativas. Ou descobre que esse não era o motivo do crescimento!

Como fazer um bom relatório de análise de vendas?

Tenha um modelo bem estruturado

Só para garantir que você não vai esquecer: um relatório é um documento que deve ser registrado na base de dados da sua empresa. Isso significa que todos os seus relatórios e análises serão mais úteis se possuírem alguma consistência, um método recorrente de registro. Se você escreve tudo de um jeito diferente a cada mês, como vai colocar as informações em um gráfico para análise?

O formato do relatório também é importante para facilitar o registro dos dados e a compreensão por parte da equipe. Por isso é comum que sejam feitas várias versões, que todas sejam avaliadas pelos colaboradores e só depois uma delas é colocada em prática. Vai dar trabalho demais? Bem, ninguém disse que ser empreendedor seria moleza, mas garanto que vale a pena.

Automatize parte do processo

Se o problema é tempo, ainda há uma solução para você: um software de automação de processos. Muitas tarefas envolvidas na análise de vendas são repetitivas e monótonas. Trabalho de máquina, basicamente. Por isso, você pode deixar um software dar conta disso e se preocupar apenas com a parte da análise. O software coleta e organiza os dados, enquanto você toma as decisões.

Dessa forma, você vai continuar com tempo para dedicar ao seu core business, ao atendimento e à implementação de estratégias. Sem falar que a máquina poderá fazer todo esse trabalho muito mais rápido do que qualquer ser humano. Os resultados serão mais ágeis e consistentes.

Elenque as métricas mais importantes

Como mencionamos no início do texto, você precisa medir antes de poder melhorar. A questão agora é: quais são suas métricas principais? Bem, já mencionamos também que elas variam de acordo com o contexto, mas existem algumas que não costumam mudar muito de um negócio para outro, especialmente em vendas. Por exemplo:

  • ticket médio;
  • número total de vendas;
  • vendas especiais;
  • índice de reclamações;
  • demanda excedente (pedidos que vão além do estoque);
  • taxa de fidelização.

Além listá-los, você também deve colocá-los em ordem de prioridade. Dessa forma, se ocorrer algum imprevisto, você saberá a quais estatísticas deve dar mais ou menos atenção.

Agora que você sabe qual é a importância dos relatórios de análise de vendas, é hora de começar a investir nessas soluções. Falando nisso, que tal conhecer uma agora mesmo? Entre no site da Devi Tecnologia e confira nossas soluções para o seu ponto de venda!

análise de vendas

Comentários